domingo, 18 de janeiro de 2015

Alimentação.

Olá pessoal!

Esse post é mais um tira dúvidas sobre a minha alimentação.
As pessoas me perguntam muito o que eu como e quais as dicas que eu dou.
Aqui vou mostrar um pouquinho dos meus aliados, além dos tradicionais que todos já sabem que são:
Frutas; Legumes; Carnes magras...
Tirei algumas fotinhos pra vocês.
Gosto de comer as vezes esses flocos de arroz, pois são 100% naturais, como opção de um docinho. Também gosto de comer Açaí quando quero um sabor refrescante, não costumo colocar granola, mas nada impede, pois granola é muito bom também.
Quando quero trabalhar com o cálcio eu como um iogurte natural e coloco uma colher de açúcar mascavo, que é rico em ferro, para dar um docinho, fica muito gostoso.
Torradinhas bauducco é uma ótima opção também, como geralmente uma pela manhã com suco natural petry ou naturaly.
A tapioca serve como opção para substituir o pão, já que depois da cirurgia eu não como mais o tão tradicional pãozinho, a tapioca além de não pesar no estômago é melhor por não possuir o glútem.
Chazinho eu adoro para variar do café preto, Amo esse sabor de maçã e canela.
O leite em pó molico é outra opção que tenho para continuar consumindo o cálcio, já que depois da cirurgia o meu consumo de leite ficou um pouco deficiente por eu ter desenvolvido uma certa intolerância. Eu coloco duas colheres de sopa em cima da banana amassada e coloco um pouquinho de canela para dar um sabor a mais.
Como podem ver me preocupo muito com a qualidade dos alimentos. Alimentos muito industrializados me fazem mal. Não consigo mais comer nada muito gorduroso e/ou muito concentrado de açúcar, e posso dizer pra vocês que sou muito mais feliz hoje com minha nova alimentação.
Minha lição disso tudo é que quando queremos muito uma coisa nós conseguimos, basta acreditar. Em algumas vezes escuto pessoas falarem: você fez a cirurgia ou foi força de vontade? Apenas ignoro, pois as outras pessoas não sabem que a cirurgia é uma ótima ferramenta sim, mas que exige foco e determinação pois os resultados podem ser em vão. A obesidade é muito triste, é um vício muito grande, uma pandemia. Sei de onde vim e por conhecer tão bem esse caminho que não quero nunca mais voltar.

Grande beijo borboletas.
Até o próximo post.

quinta-feira, 11 de setembro de 2014

1 Ano de Bypass

Completando um ano de cirurgia e muita coisa mudou. 
Do Manequim 54 para Manequim 36. 
Do XXG para o P.
Do peso 123,4kg agora pesando 61kg.
Do imc 46,5 para o imc 22,95.
De nível de pressão arterial acima de 14 por 9 para 10 por 8.
Dores no joelho ao fazer exercícios, falta de ar ao subir escadas e desanimo para fazer tudo devido ao alto grau de excesso de peso para uma vida mais saudável, mais leve, prazer ao fazer exercícios e felicidade ao poder simplesmente viver as coisas que a vida proporciona.
Realizada, e hoje posso dizer que sou uma pessoa muito melhor.
A experiência que a vida me deu me fez mais preparada para vida.
#amominhavidanova

domingo, 17 de agosto de 2014

META ATINGIDA!


E aqui está o meu resultado, 61kg off.
Meta concluída e atualmente com 62,4kg a vida ficou mais fácil, mais bonita e mais leve. Obrigado a todos que me acompanham e mandam mensagens de incentivo.
A luta não está vencida, manter e definir ainda fazem parte do meu desafio, mas agora tudo é mais fácil. 
Lei da compensação pra sempre. 
Novos hábitos e vida muito mais saudável, dei adeus a refrigerantes comidas gordurosas e frituras e as frutas, legumes e verduras fazem parte da minha vida diariamente.
Beijo pessoal, até a próxima postagem.

sábado, 19 de julho de 2014

Adeus obesidade, sobrepeso e adeus a 59kgs. VIVA VIDA NOVA!

Já se foram 59,1kg.
Hoje minha vida é mais feliz e dei adeus a obesidade e todos seus problemas associados.
Meu peso já é considerado normal, manequim 38.
Obrigada a todos que me acompanham no blog e nos grupos, obrigada pelas mensagens de icentivo e todo apoio que recebi.
Um conselho que posso dar:
Nunca escute o que os outros falarem contra seus sonhos, escute seu coração, só ele pode dizer o que é certo pra você.
Conseguem imaginar se tivesse desistido?
Obrigada pessoal!
Até o próximo post.

segunda-feira, 26 de maio de 2014

Casa dos 60... aí vou eu!


É muita felicidade e eu consegui!
Estou dentro da casa dos 60kg e um total de 54,1kg eliminados.
Agora a luta é pequena, falta apenas eliminar 3,2kg pra sair do sobrepeso e 6,8kg pra chegar ao imc ideal.
Continuo na minha luta diária.
#vidanova
#borboletas
Grande abraço pessoal! Até a próxima conquista!

domingo, 25 de maio de 2014

Desabafo II

Contagem regressiva!
A frase já virou clichê mas é o que resume a situação:
Só as fortes entenderão!
Nós mulheres sofremos tanto com o peso que sabemos o quanto estar na casa dos 50 é cobrado pela sociedade, o máximo aceitado seria a casa dos 60, acima disso já é considerada muito gorda.
Sabemos que não é verdade, sabemos o real significado do que é ser muito gorda. A felicidade de entrar na casa dos 60 deve estar além desse pensamento de gorda ou muito gorda. Nós desse grupo sabemos mais d que ninguém que essa imposição/ditadura é ofensiva tanto a nós e a nossa saúde quanto para sociedade. Quem aqui já deixou de se pesar durante a obesidade para não se deprimir com o real peso? Esse afastamento da balança e afastamento da realidade que nos fez chegar tão longe do peso ideal.
Imaginem a maioria de nós que chegamos a casa dos 3 dígitos? O quão julgados fomos e/ou o quão julgados somos.
Julgados por termos excluido da nossa vida a preocupação do peso e por termos buscado prazeres da vida, ou existe dúvidas que comidas/bebidas são associados a felicidade? Reunir amigos geralmente se dá em volta de uma mesa, convidar amigos para te visitar geralmente pra almoçar, tomar um café, jantar... Pessoas que não vê a anos? Vamos marcar um Churrasco! O capitalismo cada vez mais criando sabores pela disputa de mercado, sem preocupação com a qualidade dos alimentos e nos caimos nessa armadilha.
O real significado de ter chegado onde chegamos era a busca da felicidade, certo que do modo errado, mas era!
Só que esses prazeres tinham um preço caro: A saúde, autoestima e a própria felicidade.
Não somos fracos por ter chegado onde chegamos, e sim fortes por nos recuperarmos dessa condição que muitas vezes parecia que nunca teria solução .
Não podemos ser hipócritas em dizer que a estética não conta nada para nossa vida e autoestima, mas também não devemos nos apegarmos a ditadura do corpo perfeito. Sentir-se bem com você mesma e seu corpo é o que importa. Vibrar ao chegar a casa dos 60 pra mim é comemorar estar chegando perto do índice de massa corporal considerado ideal para meu peso e altura, estar com a autoestima la em cima e riscos à saúde serem reduzidos significativamente.
Não podemos esquecer de nossas origens, da nossa luta, de todo sofrimento enfrentado. Nós somos muito mais fortes hoje, pois a vida nos permitiu conhecer um caminho bem difícil e o melhor: superar ele.
#vidanova
#borboletas
Grande abraço pessoal!
Até a próxima postagem.

MINHA EVOLUÇÃO

Weight Loss Center - Your Online Weight Loss Support Group

SEGUIR POR E-MAIL

Translate